domingo, 13 de janeiro de 2008


Sozinha, e com uma enorme fonte de lágrimas dentro de mim.
Decidi criar um Blog, pois é a unica forma que encontrei para desabafar e aliviar os meus pensamentos, pensamentos que por vezes me magoam a alma. Talvez possam estar neste momento a perguntar porque razão é que eu não falo com os meus amigos, em vez de escrever um blog... A resposta é muito óbvia... Quais amigos? O qe é isso? Pessoas conhecidas com quem falo e que me julgam? Não, Obrigado. Perfiro escrever, pois prálem das palavras não me criticarem, consigo exprimir muito melhor o que sinto e consigo não só sentir como reflectir sobre aquilo que escrevo. Espliquem-me! Que raio de vida é esta? Quem é que deu o nome "vida" a isto? Não sei quem foi, mas seje lá quem for, deve viver num mundo cor-de-rosa ou num paraiso tropical. Ou então, é alguem a quem o destino sorriu e disse "Tu nasceste para ser feliz". Quando nasci, o destino disse-me "Tu nasceste para sofrer"... E cá estou eu. Nasci, e estou a crescer. Sabem de que forma? -> Sofrendo, pois para mim, a mentira é algo muito forte que me magoa e faz sofrer nao superficialmente, mas sim na alma e no coração. Com quem heide falar? Com quem heide partilhar os meus problemas e felicidades, sem que me olhem de lado, Sem que me julguem? Com quem heide viver as coisas mais pequenas, simples e bonitas da vida? Com o vazio? Com o vazio que sinto dentro de mim? Não consigo raciocinar, sinto-me presa a estes pensamentos, sinto me sozinha...
________________________...Só eu e as minhas lágrimas !


Que tempestade é esta que assombra os dias em que era suposto o Sol brilhar?

2 comentários:

gota de água disse...

Libelinha, tantas vezes me disseste quando eu estava triste e a derramar lágimas de tristeza e de solidão para falar contigo para chorar no teu ombro. Agora é a minha vez de repartir essa amizade, é a minha vez de te por com um sorriso nessa car linda que nunca devia estar triste, é a minha vez de te dizer que não estás sozinha, que eu sei como te sentes e que estar assim é prefeitamente normal e que só uma rocha não tem angusias, desilusoes, tristezas, desamparos. Mas uma rocha não sabe soletrar a palavra A-M-I-Z-A-D-E. Nunca te esqueças disso, nunca.
ó libelinha, só de saber que estás triste, fico eu triste...
ó libelinha pões um sorriso de orelha a orelha mesmo que te pareça que a vida não tem cor, sabor...
bjs libelinha....
nao te esqueças que podes sempre contar comigo
da tua gotinha de agua

Cati =D disse...

Tem calma, estás muito nervosa...


Numa coisa tens razao, quem a pessoa que nos meteu na cabeça que o mundo é um mar de rosas...


Enganan-se...


tipo na nossa vida á pessoas boas, pessoas mas ao mesmo que tambem á momentos maus e bons...


Tenho acerteza que estavas nervosa e a única maneira de te acalmeres foi desavafar no blog, mas tambem tenho acerteza que no momento que leres este coment já estas mais calma, e ja tas mais feliz...

Tens que saber lidar com os amigos falsos, não chores por pessoas que não merexam as tuas lágrimas, mas se tas triste por causa de um amigo de quem gostas muito, tenta abrir lhe os olhos, dislhe o k sentes a frente, pode ser que ele pense e tudo se torne melhor...

Não te deitas abaixo...

Vive a tua vida...

o mais descontraida e feliz possivel...

vá espero que estejas melhor...

bjs