domingo, 18 de maio de 2008

A cair novamente...

O teu olhar...
És um anjo? Ou um Demónio?
Não critíco ninguem, mas não consigo deixar de dizer isto: És Perfeito.
O frio desaparece, e um calor inconfundível surge dentro de mim quando te vejo, quando sinto a tua presença... O teu ar angelical, o teu rosto encantador, o teu sorriso fascinante... Oh Meu Deus! Porquê que algo tão divino tem de ser [para mim] impossível de atingir?
Voo alto demais, e quando dou por mim, estou caída no chão sem protecção, sem nada. Caio e volto a cair, sem dó nem piedade... mas sonhar não custa, o mais difícil é acordar! Choro, sim choro e não consigo parar! Choro por ti? Choro por não te ter! E agora... descobri que os anjos existem e não tenho o poder de te conquistar, meu anjo! Olho pela janela do meu quarto; As estrelas brilham, brilham como os teus olhos... será que querem ser tão magníficas como tu? Parece-me difícil... O tempo passa a correr. Os dias são horas, as horas são minutos... e não penso senão no facto de nunca mais te voltar a ver, falta tão pouco para ... para olhar para ti pela ultima vez! Não quero pensar, não consigo.
Uma nuvem irá cobrir o teu brilho... deixarei de ver os teus olhos brilhar, deixarei de te ver... e agora será para sempre. O frio volta, o medo recomeça, o sofrimento continua! Tento esquecer-te, não consigo... Estás presente demais na minha memória. Quero deixar de «sonhar» contigo, mas estes pesadelos inquietam-me, deixam-me louca. Já não sei o que pensar! Quero afogar-me na minha estupidez, na minha estupida vida, nos meus estupidos pesadelos! Quero deixar tudo, quero morrer; Estou farta!

Quero-te.

10 comentários:

MLeonor disse...

Miúda, pareces me sempre tão triste...Anima-te pá! Com a tua idade o ideal é aproveitar a vida. Mas sofrer por amor é do pior que há, nisso compreendo-te.

**

Libelinha disse...

Leonor,
mais uma vez obrigada pela atenção :)
Sabes... sofrer por amor, é normal, mas sofrer por algo que não se sabe o que é, consegue ser bem mais estranho! É impossivel amar uma pessoa que não conhecemos...

gota de água disse...

Libelinha, continua a voar... Voa até às nuvens e vlta sempre à Terra par poisar...
Vais ver que qualquer dia aparece um cracolinhos, um tarzan ou um vampiro, ou que raio que seja que te faça feliz... Eu também ainda nao o eixei de procurar...
Mas claro, o melhor era ser mesmo vampiro!
xD

Libelinha disse...

Qerida Gotinha,
Espero que tenhas razão... mas este tempo de espera é triste, é devastador!
Escusado seria dizer que "qualqer dia" é muito tempo, e "ou o raio que seja" nao é ele... Pois eu não queria mais ninguem, apenas ele.
Obrigada pelo apoio :)

Raffaela disse...

Percebo-te perfeitamente.


Linkei-te. (:

Libelinha disse...

Raffaela, gostaria muito de puder aceder ao teu blog, mas não consigo entrar, pois não estou na tua lista de permissões...
:$

"Sofi@" disse...

Por favor tens que ter muita força...
Não está corrcto tu queres acabar com a tua vida, so porque às vezes não corre bem... Pelo que sempre me dizeram, ninguém é superior a ninguém...
Tu és igual a toda a gente... Tens que seguir com a tua vida para a frente...
:)
BjZzzz



"Sofi@"

Libelinha disse...

Querida Sofia, desde já agradeço pela atenção :)
Mas eu não quero acabar com a minha vida, pois sei que ninguem merece que eu cometa tal loucura, simplesmente estou farta de tudo isto, e gostava de encontrar uma solução para mudar ....
E por muita força que eu tente ter, ás vezes é muito complicado ...
Um beijinho, e obrigada pelo apoio.

Mel disse...

meu bem, o texto está brilhante! fico um pouco triste por ter noção que o teu estado de espírito não é o mais positivo... liberta-te da confusão e tenta enumerar aquilo que te deixa assim... talvez encontres a resposta e deixes de ficar confusa.
mesmo assim, continua com os teus textos, são divinais :) é de um grande prazer lê-los :)

beijos ***

Libelinha disse...

Muito obrigada Mel :')